Gelo escama X Gelo triturado: Entenda a diferença

Atualmente, o gelo pode ser útil para diversos nichos e finalidades, e cada tipo de gelo atende um público diferente. Agora, vou explicar sobre o gelo escama e o gelo triturado, além de algumas de suas atuações. Vamos lá?

Gelo Escama

O gelo escama costuma ter por característica um formato que se assemelha à “cacos de vidro”. Esse tipo específico de gelo pode ser encontrado em indústrias de processos para resfriamento e conservação. Além se ser utilizado também para exposição em gôndolas, por possuir uma área de maior contato entre o gelo e o produto. É muito comum o gelo escama ser encontrado em indústrias de pesca.

Quando sua aplicação for direcionada à alimento, a máquina de gelo escama, deve ser um equipamento construído tomando como base as exigências da indústria alimentícia.

Uma outra característica bem importante do gelo escama está em sua forma e espessura. O gelo pode ser facilmente moldável para envolver produtos sem danificá-los e para que fiquem conservados. Agora, vou mostrar para você algumas das utilizações do gelo em escamas:

Uso do gelo escama em processos químicos:

Em alguns processos químicos, o uso do gelo tem uma extrema função para que o resultado chegue ao esperado. Desde o processo de congelamento até mesmo para separar alguns elementos químicos. Atendendo a vários produtos como remédios, venenos, tintas dentre outros.

Uso do gelo escama em abatedouros de aves:

O sistema de resfriamento por imersão em água e gelo surgiu como um método primário que reduziria a temperatura da carcaça de forma eficiente e economicamente interessante. Miúdos e carcaças passam pelo pré-resfriamento, realizado em dois tanques de água gelada com gelo, o que permite reduzir a possibilidade de degradação do produto.

Uso do gelo escama em construção civil:

O uso de gelo no concreto se faz necessário em obras de grande porte. A razão do uso do gelo é explicada pela necessidade de se reduzir as tensões de origem térmica internas em uma peça concretada, de modo a evitar sua elevação a uma intensidade que ultrapasse o limite da capacidade resistente e resulte numa trinca ou rachadura de magnitude que comprometa a integridade estrutural.

Uso do gelo escama na panificação:

A temperatura da massa ao sair da masseira é muito importante para a qualidade do produto. Quanto maior for a velocidade da masseira, maior será a energia fornecida à massa e, consequentemente, maior será o aquecimento, antecipando a fermentação e destruindo o glúten. Adicionar gelo à água de amassamento é extremamente necessário para manter a temperatura ideal e para que a fermentação aconteça no tempo adequado.

Uso do gelo escama em piscicultura:

Na indústria de pescados, o papel do gelo escama é fundamental para que seja estabelecida a hipotermia necessária à manutenção do pescado em estado de pré- rigor por um tempo mais longo; por efeito do frio, o peixe não entra em estresse e o glicogênio é mantido.
O pescado segue então para o abate nas mesas processadoras em operação única à evisceração e descamação. O gelo acompanha o pescado em todos os processos, mantendo dessa forma, seu estado de “frescor”.

Leia também: Máquina de gelo industrial X máquina de gelo comercial

Além dessas funcionalidades apresentadas acima, o gelo escama também pode ser utilizado em muitas outras indústrias, tais como: curtume, borracha, bolachas, abatedouros de rãs, fábricas de embutidos etc.

Gelo triturado:

O Gelo triturado é indicado na fabricação de concreto resfriado, além de processos de resfriamento de alimentos e bebidas (Serpentinas de chopeira, resfriamento de pescados, conservação de alimentos em geral, indústria de massa e pães) É também possível manter carnes mais frescas em expositores, assim como saladas, auxiliando na conservação deles. Outras indicações, é seu uso em buffets, preparação de bebidas, hospitais e até mesmo na construção civil. Em algumas regiões, esse gelo é vendido também para consumidores finais, em postos de gasolina, supermercados, padarias etc.

Muitas empresas utilizam esse tipo de gelo para realizar a exportação de legumes, algumas frutas, embutidos.

O gelo triturado pode ser utilizado também em indústrias químicas.

Como fazer gelo triturado:

O gelo triturado pode ser obtido de algumas maneiras, vou te apresentar algumas delas:

– Através da combinação do gelo cubo (ou gelo tubo) + triturador. Esse acessório é capaz por processar os cubos de gelo, dando ao cliente a oportunidade de comercializar o gelo triturado utilizando a mesma máquina. Em alguns lugares, esse tipo de gelo é aceito para “substituir” o gelo escama.

– Alguns fabricantes obtêm esse tipo de gelo através do gelo barra. O gelo em barras é produzido em formas de aço, que são imersas em um tanque de congelamento. Depois de prontas são tiradas das formas e depois o colaborador fica encarregado de passar as barras por um triturador. Outra opção também é quando o colaborador da fábrica “tritura” a barra utilizando uma marreta.

Escolha seu tipo de gelo:

Agora que você conheceu um pouco sobre a utilização de cada tipo de gelo e seus diferenciais, fica mais fácil de escolher qual será sua produção e seus canais de venda de acordo com o seu plano de negócio.

Lembrando que para começar a produzir qualquer tipo de gelo, você precisa de um espaço hábil para a instalação de uma máquina de com a capacidade produtiva que atenda suas expectativas.

Você deseja receber mais conteúdos como esses?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por e-mail e participe da comunidade MAC TOTAL ICE.

A Mac Total Ice precisa das informações de contato que você nos fornece para contatá-lo conteúdos. Você pode cancelar a assinatura dessas comunicações a qualquer momento.